Loading...
Loading...

Com GRAVE DOENÇA, Jornalista da Globo revela DRAMA que o levou a tomar medicação errada por décadas



Ao ‘Bem-Estar’ desta quarta-feira (31), o repórter Jorge Pontual, que trabalha no escritório da Globo e da GloboNews em Manhattan, contou sofrer de depressão há quase quatro décadas.


“Só agora estou tomando os remédios certos graças a um novo exame”, contou na matéria que fez a respeito do assunto.


Jorge Pontual descobriu mutações genéticas que o deixam vulnerável à doença.

“É um novo teste genético que dá ao psiquiatra o perfil detalhado de dezoito genes ligados à saúde mental.”


Pontual, de 69 anos, descobriu possuir uma variante de um gene que o predispõe a ter depressão. O mesmo exame revelou que o jornalista carrega a variação de outro gene que faz o metabolismo agir tão rápido que impede a ação eficaz dos medicamentos.

Mineiro formado em Ciências Sociais, o correspondente entrou na Globo em 1972. Desempenhou várias funções. Foi editor-chefe do ‘Jornal da Globo’ e do ‘Globo Repórter’.

Mudou-se para Nova York em 1995 para comandar o escritório da emissora. Três anos depois, estreou no vídeo.


“Nunca quis ser correspondente internacional. Aliás, nem aparecer na TV. Eu era tímido”, relatou em depoimento ao projeto ‘Memória Globo’.

Jorge Pontual não está só: dezenas de personalidades de mídia já tiveram depressão ou ainda enfrentam a doença.

Entre elas, Cássia Kiss, Selton Mello, Deborah Secco, Priscila Fantin, Lucas Lucco, Ellen Rocche, Marina Lima e Ricardo Boechat.


Estima-se que existam 350 milhões de pessoas deprimidas no planeta. No Brasil, quase 15 milhões.

Fonte: https://www.terra.com.br/diversao/tv/blog-sala-de-tv/correspondente-da-globo-revela-ter-depressao-ha-40-anos,a43f8e44ad031752dcae7c87188eaf1c66k2gnkm.html

Tecnologia do Blogger.